Voltar
Publicado em: 04/04/2017 às 16:43

Dissertação de mestrado apresenta cenário de empresas de TIC na Bahia

Por: Ascom/Fapesb

Por: Lorena Nascimento

Investigar o processo de gestão da inovação nas empresas do setor de Tecnologia da Informação e Comunicação – TIC do Estado da Bahia. Com este objetivo que a pesquisadora Danile Sanches defendeu sua dissertação de mestrado, no Senai Cimatec. Com o título “Uma Avaliação da Gestão da Inovação nas Empresas de TIC do Estado da Bahia”, foram analisadas 30 empresas presentes na Região Metropolitana de Salvador (RMS) e no interior do estado, com o objetivo de investigar os aspectos do grau de aderência das empresas ao modelo de gestão da inovação e a associação entre a referida aderência e os desempenhos das instituições.

A pesquisa conclui que existe uma aceitação das empresas de TIC ao modelo de gestão da inovação adotado pela pesquisa e uma associação entre a aderência e o desempenho para um determinado grupo de empresas analisado. A gestão da inovação foi vista como um processo estruturado apoiado em 5 (cinco) dimensões: estratégia, estrutura, cultura, pessoas e resultados. Para análise dos resultados, estratificou-se a amostra em 3(três) grupos: por porte; por localização; e pela natureza do produto, e verificaram-se diferenças significativas entre as médias desses estratos por meio de testes estatísticos.

A banca examinadora contou com a presença dos professores doutores, Francisco Uchôa, Renelson Sampaio do Senai Cimatec e o Coordenador de Apoio à Competitividade Empresarial da Fapesb, Alzir Mahl. “A pesquisa tem o mérito de um grupo de empresas de um segmento importante da cadeia econômica da Bahia, onde concluiu que empresas que possuem a gestão da inovação como práticas recorrentes nas suas atividades de inovação tendem a alcançar resultados positivos em relação à receita e mercado”, finalizou o examinador Alzir Mahl.

Com o título de mestre em Gestão e Tecnologia Industrial, Danile Sanches, explicou que o processo de análise colaborou para o cenário tecnológico baiano. “Esta pesquisa se apresenta como uma contribuição aplicável em outras empresas de outros setores e para embasamento de estudos e editais lançados na área de CT&I. Considerando que há poucas referências de pesquisas similares desenvolvidas, os resultados apresentados são preliminares e exploratórios”.

 

Facebook
Twitter
Voltar